WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
abril 2019
D S T Q Q S S
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

:: 2/abr/2019 . 11:02

Aos 64 anos, amazonense é aprovado no exame da OAB após tentar 15 vezes consecutivas

A vida é feita de sonhos dos quais muitos deles são realizados a base de muito suor e persistência. Vejamos a história do músico Carlos Alberto Silva, que foi aprovado no exame da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Amazonas (OAB-AM) aos 64 anos de idade, após ter prestado a prova por 15 vezes consecutivas.

O exame no qual ele foi vitorioso ocorreu em 20 de janeiro deste ano, e a entrega da carteira ocorreu dia 21 deste mês em cerimônia na seccional local. Para marcar com chave de ouro a conquista, ontem ele recebeu uma homenagem do Centro Preparatório Aufiero, onde estuda há seis anos. A instituição organizou um culto de agradecimento e lhe entregou a “Camisa Verde” – que simboliza a aprovação no Exame da OAB – na sede do curso, localizada na rua Belo Horizonte, 1050, Adrianópolis, Zona Centro-Sul. A entrega não foi feita antes porque Carlos ainda se recupera de uma cirurgia para retirada da vesícula.

O empenho, dedicação e força de vontade em plena 3ª idade de Carlos Augusto são a prova que de que não há limites para quem sonha. É preciso acreditar para alcançar o seu objetivo.

Ele concluiu o curso de Direito na Faculdade Martha Falcão em 2012, e prestou exames da OAB-AM durante seis anos. Na aprovação deste ano foi fundamental o apoio do professor de Direito Penal Aniello Aufiero.

“Eu não havia tido aprovação no exame deste ano, mas o professor Aufiero analisou minha prova e constatou que eu deveria ter sido, sim, aprovado. Entramos com um recurso pedindo revisão de prova junto à Ordem dos Advogados do Brasil e Fundação Getúlio Vargas (que aplica o certame) e, finalmente, eu fui aprovado. O que o Aniello viu em mim foi que eu não desistia, diferente de outras pessoas”, disse ele, que completa 65 anos em 10 de abril.

Foi no cursinho que, por ser músico, Carlos Augusto passou a ser conhecido como “Pablo”, um apelido carinhoso dado por Aniello Aufiero a ele, em alusão ao artista que dublava as músicas no extinto quadro “Qual é a Música”, apresentado pelo comunicador Silvio Santos.

Casado, pai de cinco filhos e avô de cinco netos, Carlos Augusto é só emoção ao reconhecer quem lhe apoiou: “Agradeço à minha família, amigos, à toda equipe do curso Aufiero e ao professor Aniello Aufiero por todo apoio para essa minha conquista, que é a realização de um sonho”.

Começou o “Campeonato o defensor” no banco da Vitória e Cosme Araújo deu o ponta pé inicial .

Clodoaldo,Dr Cosme Araújo e Fernando  falam sobre a importância do campeonato  o defensor .

Neste domingo ensolarado de 31 de Março, na cidade de Ilhéus BA, o site “O Defensor ” se fez presente ao início do campeonato amador do bairro Banco da Vitória, conhecido como “Campeonato o Defensor”, o campeonato tem o total de 10 times divididos em 2 grupos de 5 equipes, é muito bem organizado por Clodoaldo (irmão do tetracampeão Aldair) e o amigo Fernando.
O campeonato iniciou-se com 2 jogos neste domingo entre as equipes do: Atlético 2 x 2 Fogo Doido e Costa do Cacau 4 x 0 Arsenal; As partidas contaram com os árbitros da liga ilheense de Ilhéus.
O campeonato tem o total apoio do Dr. Cosme Araújo onde também se fez presente dando o ponta pé inicial da partida e deixou seu comentário através de vídeo.

 

   

por: Thaline Costa

Ministério Público do Rio solicita explicações ao estado sobre uso de snipers

Defensoria Pública do Rio afirmou que a declaração de Witzel reforça a suspeita de que três moradores da Favela de Manguinhos tenham sido baleados por snipers em janeiro

O Ministério Público estadual solicitou, nesta segunda-feira, ao governador Wilson Witzel e aos secretários das polícias Militar e Civil, coronel Rogério Figueiredo e delegado Marcus Vinícius Braga, informações sobre operações que contaram com a atuação de atiradores de elite (snipers). Além disso, o procurador-geral de Justiça, Eduardo Gussem, pediu ao Grupo de Atuação Especializada em Segurança Pública do órgão que apure o caso. Por exercer o controle externo da atividade das polícias, o MP do Rio quer detalhes das operações com agentes públicos, para saber se foram em situações de legítima defesa, como determina a lei.

O fato de as polícias do Rio já fazerem uso de snipers para matar traficantes em suas operações foi revelada por Witzel em uma entrevista publicada pelo GLOBO no domingo. As polícias Civil e Militar não quiseram falar sobre os casos que o governador se referiu.

Também, nesta segunda-feira, a Defensoria Pública do Rio afirmou que a revelação de Witzel reforça a suspeita de que três moradores da Favela de Manguinhos tenham sido baleados por snipers em janeiro. Dois morreram: Rômulo Oliveira da Silva, que trabalhava como porteiro da Fiocruz, e Carlos Eduardo dos Santos Lontra.

O defensor público Daniel Lozoya do Núcleo de Defesa dos Direitos Humanos (Nudedh) da Defensoria Pública do Rio lembrou que, no caso de Manguinhos, uma outra vítima, atingida de raspão, conseguiu escapar. O sobrevivente afirmou que os tiros vieram de uma torre da Cidade da Polícia, no Jacarezinho.

Destaque em Justiça: Claro é condenada por ligar para cliente mais de 20 vezes em um dia

Resultado de imagem para CLaro

A empresa de Telefonia Claro foi condenada a indenizar um cliente em R$ 40 mil, por insistentes ligações com oferta de produtos ao consumidor. Em apenas um dia, o consumidor recebeu mais de 20 ligações. Para a 22ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), a conduta da empresa perturbou o sossego do cliente.

CANOÍSTAS DE UBAITABA CONQUISTAM 17 MEDALHAS NA COPA DO BRASIL

Os atletas da Associação Cacaueira de Canoagem, entidade que tem sede em Ubaitaba, estão entre os destaques da Copa Brasil de Canoagem de Velocidade e Paracanoagem, competição realizada no fim de semana na Raia Olímpica da Universidade de São Paulo (USP), em São Paulo. A delegação composta de 18 canoístas conquistou cinco medalhas de ouro, quatro de prata e oito de bronze.

Logo na sexta-feira (29), primeiro dia de competição, ganhou oito medalhas com os canoístas Milton Luz (prata na categoria C1 1000 m Sênior), Sávio Jerlan (bronze no C1 1000 m Sênior), Filipe Santana (ouro C1 1000 m Jr), Evandilson  Neto (bronze C1 1000 m Jr),  Áquila de Jesus (bronze C2 1000 Cadete), Vitor Mendonça, que ficou entre os primeiros colocados em categorias diferentes. O canoísta foi terceiro na C1 1000 cadete, mesma colocação no C2 1000 cadete.

Durante a competição, o canoísta Milton Luz voltou ao pódio mais duas vezes para ser premiado com prata no C1 200 m Sênior na C1 500 m Sênior, categoria em que Sávio Jerlan foi terceiro colocado. Sávio conquistou ainda medalha de ouro na C1 200 m Sênior. O aumento no número de  de medalhas seguiu com Vitor Mendonça e Hebert Santana, que ficaram com ouro no C2 500 m cadete. Vitor conquistou ainda um bronze no C1 500 m cadete.

O show da canoagem do sul da Bahia prosseguiu com Andréa Oliveira, Ângela Elias (ouro C2 500 m feminino Sênior); Beatriz Ataíde e Tatilane Almeida (prata C2 500 Sênior), Luciana Costa e Camila Lima (bronze no C2 500 Sênior). Andréa Oliveira e Ângela Elias foram destaques também no C1 200, conquistando prata e bronze, respectivamente. A lista de destaque tem ainda paracanoísta Nayara Falcão, que ficou com a prata na K1/L2.

Os atletas da Associação Cacaueira de Canoagem viajaram com apoio da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb). Além de atleta, Luciana Costa é técnica. O sul da Bahia também foi representado por atletas da Associação de Canoagem de Itacaré, que ganharam duas medalhas. Valdenice Conceição foi ouro na categoria C1 200 (feminino) e Diego Nascimento, prata no C1 1000 m (masculino).

CNJ apura denúncia de supostas “condutas irregulares” de desembargadora baiana

[TJ-BA lamenta denúncia contra desembargadora]

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) investiga uma denúncia feita contra a desembargadora do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), Sandra Inês Moraes Rusciolelli Azevedo.

Em despacho recente, o corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, intimou a magistrada para apresentar, em 15 dias, informações a respeito da denúncia que trata de supostas “práticas de condutas irregulares, inclusive de aspecto criminal”.

No documento, o ministro pede ao Tribunal de Justiça que remeta ao CNJ um relatório a respeito da nomeação de Patrícia Andréa Santos Ribeiro para um cargo no Judiciário. O corregedor quer saber quem indicou a funcionária, quais os rendimentos recebe e qual a formação técnica ou acadêmica. O pedido também se estende sobre a situação de Almir Santos, apontado como motorista da desembargadora. Outro questionamento que o CNJ faz é se há algum filho da magistrada ocupando cargo no TJ-BA.

A reportagem entrou em contato com o Tribunal de Justiça da Bahia pedindo um posicionamento sobre o assunto, mas ainda não teve retorno.

ANM diz que vai interditar barragens por problemas de estabilidade

[ANM diz que vai interditar barragens por problemas de estabilidade]

A Agência Nacional de Mineração (ANM) informou nesta segunda-feira (1º) que decidiu interditar uma série de barragens por problemas de estabilidade. A agência reguladora informou inicialmente que 67 barragens seriam interditadas. Posteriormente, disse que revisaria o número, mas até o início da noite desta segunda-feira não atualizou a quantidade de barragens que seriam interditadas.

A ANM disse que as interdições foram motivadas pela ausência de documentação ou porque as informações encaminhadas pelas empresas apontaram falta de estabilidade nos empreendimentos.

A decisão ocorre após a Vale ter divulgado informações  atualizadas sobre as declarações de estabilidade de barragens utilizadas em suas operações. De acordo com a mineradora, foram renovadas as declarações de 80 estruturas que tinham validade até domingo (31). Por outro lado, não houve renovação para outras 17.

A declaração de estabilidade é emitida por uma empresa auditora que deve ser contratada pela mineradora. A confiabilidade do documento, porém, passou a ser questionada a partir da tragédia de Brumadinho (MG), ocorrida em 25 de janeiro, quando uma barragem na Mina do Feijão se rompeu causando mais de 200 mortes. A estrutura tinha uma declaração válida, emitida pela empresa alemã Tüv Süd, em setembro de 2018.

Azi promete preparar DEM para lançar ACM Neto ao governo da Bahia em 2022

Azi promete preparar DEM para lançar ACM Neto ao governo da Bahia em 2022

Foto: Reprodução / Alagoinhas Hoje

O deputado federal Paulo Azi (DEM) antecipou em 30 dias o resultado de uma eleição interna do DEM na Bahia que deve reconduzi-lo à presidência estadual da sigla nos próximos anos. O parlamentar substituiu José Carlos Aleluia (DEM) nesta segunda-feira (1°), após o ex-deputado informar que deixaria o cargo para se dedicar à consultoria de um grupo privado. 

 

Ao falar como comandante do DEM no estado pela primeira vez, Paulo Azi defendeu que irá preparar o partido para lançar o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), candidato ao governo do estado em 2022. “Vou preparar o partido para 2020, que será uma prévia da grande disputa que queremos travar em 2022 quando vamos lançar ACM Neto candidato ao governo do Estado”, falou. 

 

Entre os objetivos de Azi na legenda está oxigenar o DEM e trazer novos nomes para disputarem as eleições municipais do próximo ano. “Quero aproximar mais o partido dos anseios da sociedade. Estamos neste momento fazendo convenções municipais em diversos municípios. Nossa expectativa é que as convenções instalem mais de 100 diretórios”, disse. 

 

O DEM na Bahia prepara para, nos próximos 30 dias, realizar sua convenção estadual e escolher sua nova diretoria. “Existe um consenso no partido para que eu coloque o meu nome como candidato a presidente”, declarou Azi. Apesar de desenhar a tendência, o deputado ainda não sabe quem escolherá para ser seu vice-presidente. 

Em visita à unidade de polícia de Israel, Bolsonaro realiza tiros ao alvo

Em visita à unidade de polícia de Israel, Bolsonaro realiza tiros ao alvo

Foto: Reprodução / Facebook

Os principais jornais israelenses destacaram na manhã desta terça-feira (2) uma visita feita pelo presidente brasileiro Jair Bolsonaro à Unidade de Contraterrorismo da Polícia de Israel, onde, a seu pedido, realizou tiros ao alvo. Segundo os jornais Yedioth Aharonoth (Últimas Notícias) e Israel Hayom (Israel Hoje), Bolsonaro atirou sete vezes contra o alvo e acertou todos. O mandatário visita o país desde domingo (31).

Bolsonaro visitou a Unidade com seu filho, o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), e outros membros da delegação oficial, como convidado do ministro de Segurança Interna de Israel, Gilad Erdan.

“Temos um potencial enorme de cooperação mivtzai porque a base para o sucesso de qualquer país é, acima de tudo, a segurança pessoal”, disse Erdan. “E nossa experiência na luta contra o terrorismo nos ajuda também na luta contra a criminalidade”.

Os combatentes da unidade israelenses fizeram demonstrações ao presidente brasileiro, entre elas como dominar um ônibus controlado por bandidos e saltar de helicópteros.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia