O motorista do veículo, Ronaldo Pinhal Santos, 39 anos, foi preso em flagrante quando tentava prestar queixa sobre falsa ocorrência de roubo.

Uma carga de cerveja, composta por 26.904 garrafas de 550 ml da marca Stella Artois foi integralmente recuperada pela Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas em Rodovias (Decarga), de Feira de Santana, no último sábado (11). O carregamento estava escondido em um estacionamento que funcionava como um lava-jato clandestino, no bairro de Periperi, em Salvador, próximo ao Hospital do Subúrbio.

Segundo o delegado Gustavo Coutinho, titular da especializada, Wellington Machado Pinheiro, 48 anos, é o proprietário do local onde a carga foi encontrada e foi encaminhado à delegacia. Ele confessou que um homem conhecido como ‘Zeba’ foi o encarregado pela condução da carreta até o local e que pagaria pela guarda do material. Após apuração, outros participantes da quadrilha foram identificados, entre eles, um intermediário identificado como Diego, que contratou um técnico para bloquear o sinal de GPS da carga, para impossibilitar o rastreamento .

O condutor do caminhão, Ronaldo Pinhal Santos, 39, também associado ao esquema, foi preso e autuado em flagrante quando registrava uma falsa ocorrência de roubo. Ele se passou por vítima de assalto, mas foi desmascarado diante das provas. O motorista confessou o envolvimento no crime e teve sua prisão preventiva decretada.

“Já havíamos recebido denúncias e também contamos com ajuda de câmeras para conseguir localizá-los”, informou o delegado. O titular disse ainda que existe uma integração entre a Decarga, PRF e Delegacias de outros estados no combate às quadrilhas. “Essa troca de informações tem facilitado muito o nosso trabalho. Estamos nos empenhando para identificar outros receptores de cargas e a prisão do chefe do grupo”, conta.

A carga avaliada em mais de R$ 160 mil reais foi entregue à empresa Ambev. O cavalo mecânico que havia sido separado do veículo foi recuperado no município de São Sebastião do Passé e devolvido.

O motorista do veículo, Ronaldo Pinhal Santos, 39 anos, foi preso em flagrante quando tentava prestar queixa sobre falsa ocorrência de roubo.