WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
julho 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

:: ‘Blog’

Rondesp Sudoeste apreende dois fuzis, pistola e drogas em Conquista

Materiais ilícitos estavam com Isaque Jânio Santos Batista que resistiu à voz de prisão e confrontou com os PMs.
Uma denúncia anônima sobre veículo roubado ajudou equipes das Rondas Especiais (Rondesp) Sudoeste na localização de fuzis, pistola, drogas e munições, na cidade de Vitória da Conquista. O flagrante aconteceu, na madrugada desta quinta-feira (4).
Os PMs chegaram até o bairro Vila Oeste e avistaram o carro modelo Gol. Durante aproximação o condutor do veículo, identificado posteriormente como Isaque Jânio Santos Batista, atirou na direção dos policiais. Houve confronto e o criminoso acabou não resistindo, mesmo sendo socorrido para o Hospital Geral de Vitória da Conquista.
Dentro do automóvel os militares da Rondesp Sudoeste encontraram dois fuzis calibre 5,56, uma pistola calibre 9mm, nove carregadores, munições de diversos calibres, seis tabletes de pasta base de cocaína, capuzes, um porta algema e camisas impressas com a marca antiga da Polícia Civil.
“Parabéns a todos os PMs da Rondesp Sudoeste pelo excelente flagrante. Em uma só ocorrência tiraram de circulação armas de grosso calibre, munições e entorpecentes. Determinei apuração rápida para descobrimos a qual organização criminosa pertenciam os materiais apreendidos”, informou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

Rondesp Atlântico apreende menor com armas e drogas

Policias realizavam rondas no bairro de Itapuã quando localizaram o adolescente com um revólver e porções de cocaína. 
Um adolescente de 17 anos foi apreendido, na madrugada desta quinta-feira (4), por policiais das Rondas Especiais (Rondesp) Atlântico após, realizarem rondas na região do bairro de Itapuã.
Com ele a PM encontrou um revólver calibre 32 com numeração suprimida, 89 porções de cocaína, 11 saquinhos de maconha, dois celulares, um relógio e a quantia de R$ 290.
“Estávamos intensificando o policiamento em Itapuã visando o combate ao tráfico de drogas quando abordamos o menor”, contou o comandante da Rondesp Atlântico, major Edmundo Assemany Júnior.
O menor e o material apreendido foram encaminhados até a Delegacia para o Adolescente Infrator (DAI).

Lamborghini e lancha de Eike Batista são ignorados em leilão

Lamborghini e lancha de Eike Batista são ignorados em leilão

Foto: Reprodução / G1

Não foi desta vez que o empresário Eike Batista conseguiu vender sua Lamborghini e uma lancha Intermarine 680. Os bens foram colocados em leilão nesta quinta-feira (4), mas não tiveram propostas.

A Justiça Federal organizou o certame que colocou à disposição os bens de Eike, que também não conseguiu vender uma moto aquática Spirit of Brazil IX.

Por outro lado, o empresário conseguiu se desfazer de outras duas motos aquáticas: uma jet boat Thorolin, adquiridoa por R$ 47 mil, e uma Spirit Of Brazil X, por R$ 43,5 mil. Os compradores não são divulgados.

O leilão foi solicitado por Eike após condenação na Operação Lava Jato, em julho de 2017. O objetivo era usar o dinheiro arrecadado para pagamento de multa em caso de condenação transitado em julgado no processo, além de evitar a perda de valor dos bens.

A lancha colocada à venda poderia ser adquirida por R$ 3,5 milhões. Já a Lamborghini estava com preço inicial fixado em R$ 2,24 milhões.

Como não houve interessados, os bens voltarão a ser disponibilizados no dia 18 de julho com 20% de desconto. Assim, a lancha vai custar cerca de R$ 2,8 milhões, enquanto o carro de luxo fica em torno de R$ 1,8 milhão.

Em dezembro, a maior embarcação de Eike já foi vendida em leilão. O iate foi arrematado por R$ 14,4 milhões.

O empresário foi condenado por Bretas a 30 anos de prisão e ao pagamento de multas de R$ 53 milhões. Ele é acusado de pagar US$ 16,5 milhões e R$ 1 milhão em propina ao ex-governador Sérgio Cabral (MDB).

Outra lancha colocada à venda no leilão foi uma Manhattan Rio, do ex-governador Sérgio Cabral, apesar de não estar em seu nome–a Justiça diz que a embarcação estava em nome de um laranja. Porém, ninguém quis pagar os R$ 2,95 milhões pedidos no certame.

Ladrão de clientes de correspondente bancário preso em 24 horas

Gilmário Silva Santa Rosa, 38 anos, responsável por assaltar os clientes de um correspondente bancário nas proximidades da agência, na cidade de Ubaíra, região Leste, na manhã de quarta-feira (3), foi capturado durante uma ação conjunta. A prisão do assaltante aconteceu cerca de 24h horas após o crime.

O ladrão e um comparsa, ainda não identificado, roubaram as pessoas e fugiram. Nesta quinta-feira (4), os criminosos roubaram uma motocicleta de placa OZG 4826 e seguiram em direção a cidade Amargosa, sendo alcançados durante o cerco. O cúmplice do criminoso ainda é procurado.

Com ele foram recuperado R$ 1.107 e apreendido um revólver calibre 38 com munições. De acordo com a titular da Delegacia Territorial de Ubaíra, delegada Ívia Vidal da Silva, Gilmário já tinha uma condenação por roubo. “Estamos investigando a ligação dele com outros criminosos responsáveis por roubos a bancos”, declarou.

Também participaram da ação unidades da Polícia Militar e Civil de Jiquiriçá, Amargosa e Mutuípe.

Líder do PSL no Senado quer liberar governo para fazer grampo e escuta ambiental

Líder do PSL no Senado quer liberar governo para fazer grampo e escuta ambiental

Foto: Gabriela Korossy / Câmara dos Deputados

O líder do PSL no Senado, Major Olímpio (SP), apresentou um projeto de lei para autorizar que o governo faça interceptações telefônicas e escutas ambientais por meio de órgãos de inteligência.

A proposta diz ter o objetivo de regular a atividade de inteligência no Brasil.

Entre outros, a Abin (Agência Brasileira de Inteligência), setores do Exército, do Ministério das Relações Exteriores, da Marinha, do Ministério Público, das polícias civil e militar e do GSI (Gabinete de Segurança Institucional) poderiam fazer as escutas.?

O texto prevê a necessidade de autorização judicial, sem especificar qual instância da Justiça seria competente.

Segundo especialistas, a Constituição exige que a interceptação tenha por finalidade investigação criminal, o que não faria sentido nos casos de inteligência.

Olímpio diz que seu objetivo é fortalecer a estrutura de segurança pública nacional, principalmente em comparação com a realidade de outros países.

Na justificativa de seu projeto, o senador diz que “o Brasil é uma das maiores potências mundiais e encontra-se em séria desvantagem estratégica em face de os demais países possuírem atividades de inteligência capazes de monitorar os mais altos cargos da República, terem acesso a segredos políticos, econômicos e tecnológicos e, enfim, vulnerabilizarem a segurança da sociedade e do Estado brasileiro”.

“O que temos não é suficiente. Com o que temos hoje, temos resultados de menos”, disse Olímpio à Folha de S.Paulo.

O senador diz que atualmente há atividades de monitoramento que carecem de respaldo legal, como o monitoramento de presidiários por meio de celulares. “Quanto menos zona cinzenta houver, sai fortalecida a Justiça e o processo legal.”

A discussão sobre liberar interceptações e escutas para órgãos de inteligência não é nova. Desde sua criação, em 1999, a Abin, por exemplo, luta pela legalização. Até hoje, no entanto, não obteve esse respaldo.

Para criminalistas ouvidos pela reportagem, o projeto de Olímpio é inconstitucional.

“É recomendável que o legislador conheça e leia a Constituição, que só permite interceptações telefônicas em casos criminais. A proposta de ampliar as escutas para outras situações é inconstitucional”, afirmou o advogado Pierpaolo Bottini.

O projeto, apresentado no dia 8 de maio, está na comissão de Relações Exteriores e vai ser relatado pelo senador Esperidião Amin (PP-SC).

Nos últimos dias, Randolfe Rodrigues (Rede-AM) apresentou uma emenda, em que pede para que o Ibama seja incluído na lista de instituições cujos órgãos de inteligência terão a atividade entre suas competências.

Tanque Novo: Ex-prefeito é punido pelo TCM por contratação irregular de cooperativas

Tanque Novo: Ex-prefeito é punido pelo TCM por contratação irregular de cooperativas

Foto: Reprodução / Jornal O Eco

O ex-prefeito de Tanque Novo, no sudoeste, José Messias Carneiro, foi punido por irregularidades na contratação de cooperativas nos anos 2015 e 2016. Em sessão desta quinta-feira (4), a Corte de Contas determinou multa de R$ 25 mil. O conselheiro Fernando Vita, relator do parecer do caso, ainda encaminhou o caso para investigação do Ministério Público do Estado (MP-BA). As entidades Cooperativa de Trabalho Especializada em Serviço – CTES e da Cooperativa dos Profissionais de Saúde – COORDR foram contratadas para a prestação de diversos serviços, via terceirização de mão de obra.

 

Ainda segundo o TCM-BA, o relatório apontou o descumprimento à norma que impõe a realização de concurso público para ingresso no serviço público, uma vez que as cooperativas foram contratadas para fornecer mão de obra para funções originariamente estatais ou ainda àquelas dispostas na estrutura administrativa municipal. A denúncia ainda apontou nepotismo com a nomeação de Thomas Felipe Pereira Carneiro e Paulo Neves Gomes para os cargos de assessor administrativo e tesoureiro. Os dois são sobrinhos do prefeito e vice-prefeito, respectivamente.

 

No caso da filha do prefeito Lívia Oliveira Carneiro Cardoso, para o cargo de secretária de Educação, e do seu marido, Osvaldo Júnior Carneiro Cardoso, como secretário de Finanças, o TCM não apontou nepotismo. Afirma a Corte que se tratam cargos políticos que não são alcançados pela vedação prevista na Súmula Vinculante nº 13 do STF. No entanto, o então gestor também não comprovou a capacidade técnica dos nomeados para os cargos, o que viola os princípios da moralidade e impessoalidade. Ainda cabe recurso da decisão.

Cosme Araújo nega que tenha recebido informações privilegiadas de juízes de Ilhéus

Cosme Araújo nega que tenha recebido informações privilegiadas de juízes de Ilhéus

O advogado Cosme Araujo, em nota, refutou com veemência, as informações de que teve acesso a informações privilegiadas a qualquer tipo de investigação em Ilhéus, no sul da Bahia. O advogado, segundo uma portaria de sindicância da Corregedoria do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), teria dito em um áudio em grupos de Whatsapp que recebeu informações privilegiadas de magistrados da 1ª Vara Criminal da cidade sobre a Operação Xavier. Ele nega a existência do áudio.

 

Ao Bahia Notícias, o advogado afirmou que “em nenhum momento fui advogado de nenhum dos vereadores e secretários que foram presos”. “É o grupo do PP é quem está criando esse imbróglio, pois meu nome, hoje, está sendo ventilado a nível nacional e internacional. O grupo que está em Ilhéus é um grupo acéfalo, falido politicamente”, diz o advogado, atribuindo a acusação a fatos políticos locais, ainda mais, se considerar seu passado como vereador municipal, com contas aprovadas enquanto presidente da Câmara de Vereadores.

 

Para Cosme, os autores da representação no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) “querem encontrar agora uma desculpa para não serem julgados pelos juízes de Ilhéus”. “Isso é uma artimanha que não vai funcionar. Quero deixar muito bem claro para o CNJ, que determinou essa apuração, e dizer que a pseuda-advogada que encaminhou essa representação faz parte do grupo do secretário do PP na Bahia”, reclamou. Ele ainda diz que os magistrados de Ilhéus são íntegros. “Os juízes de Ilhéus merecem respeito, e desafio alguém mostrar que tenha qualquer áudio onde eu tenha dito que eu tenha informações como citado”, destacou.

SINEBAHIA OFERECE 82 VAGAS DE EMPREGO EM ITABUNA, JEQUIÉ E CONQUISTA HOJE (4)

Três dos principais municípios do sul e do sudoeste da Bahia oferecem total de 82 vagas de emprego nas unidades do SineBahia para todos os níveis de escolaridade. São 49 oportunidades em Itabuna, 24 em Vitória da Conquista e 9 em Jequié, conforme lista divulgada pelo serviço estadual de intermediação de vagas.

Os interessados devem procurar o SineBahia nestes municípios, preferencialmente pela manhã, munidos de carteiras de Trabalho e de Identidade, CPF e comprovantes de escolaridade e de residência. Para as vagas destinadas a pessoas com deficiência (PCD), é necessário apresentar laudo médico. Clique em “Leia Mais” e confira todas as vagas disponíveis.

Vagas exclusivas para Jequié (04/07)

 

:: LEIA MAIS »

Apreendidas 160 trouxas de maconha pela 40ª CIPM

A ação aconteceu na manhã desta quarta-feira (3), no Boqueirão, localizado na rua Valdomiro, no bairro de Santa Cruz.

Guarnições da 40ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Nordeste de Amaralina) apreenderam, na manhã desta quarta-feira (3), 160 trouxas de maconha e centenas de pinos vazios no Boqueirão, localizado na rua Valdomiro, bairro de Santa Cruz.


Segundo o comandante da 40ªCIPM, major Valdino Sacramento, quando as equipes entraram no Boqueirão encontraram pessoas armadas com metralhadoras, fuzis e pistolas. “Ao perceberem que se tratavam de policiais, dispararam tiros e conseguiram fugir, deixando 160 trouxas de maconha e centenas de pinos vazios”, disse, acrescentando que “continuaremos atrás deles” e que “todo o material foi encaminhado para a 28ª Delegacia Territorial (DT/Nordeste de Amaralina)”.

Qualquer informação que possa ajudar a polícia na busca de criminosos pode ser disponibilizada anonimamente pelo telefone do Disque-Denúncia: 3335-0000.

TCU manda CNJ parar de mandar dinheiro a tribunais que não usam PJe

O Tribunal de Contas da União mandou o Conselho Nacional de Justiça suspender, por 15 dias, o envio de dinheiro para tribunais que não usam o sistema Processo Judicial Eletrônico (PJe). O PJe foi definido como padrão de sistema de informatização e digitalização dos tribunais pelo próprio CNJ. O conselho envia verbas para tribunais reinvestirem em tecnologia e na adoção do PJe, mas, segundo o TCU, as cortes estão aplicando o dinheiro em outras finalidades.

A decisão, unânime, é desta quarta-feira (3/7). O CNJ também terá de apresentar, em 180 dias, um plano de ação para aprimoramento da eficiência e transparência das ações para adoção do PJe. O mesmo vale para o Conselho da Justiça Federal (CJF) e para o Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT).

As medidas foram adotadas em processo de tomada de contas que avalia o andamento dos investimentos em modernização e desburocratização do Judiciário por meio de sistemas de processo eletrônico. O PJe foi definido como padrão pela Resolução 185 do CN, mas diversos tribunais usam outros sistemas. Entre eles, o Superior Tribunal de Justiça, o Tribunal de Justiça de São Paulo e os TRFs da 2ª e da 4ª regiões. O Conselho da Justiça Federal também não usa o PJe, mas o sistema adotado pelo TRF-4, desenvolvido pelo próprio tribunal.

De acordo com o relator, ministro Raimundo Carreiro, auditoria do TCU constatou que “muitos tribunais receberam recursos para aderir ao PJe e não o fizeram. A auditoria constatou isso”.

Cármen Lúcia libera para julgamento modulação da decisão que excluiu ICMS da base de cálculo do PIS/Cofins

t

A ministra Cármen Lúcia, do STF, liberou nesta quarta-feira, 3, para inclusão na pauta do plenário, o recurso com status de repercussão geral referente à exclusão do ICMS na base de cálculo do PIS e da Cofins. A Corte vai debater a modulação da decisão.

O plenário fixou em março de 2017 a seguinte tese: “o ICMS não compõe a base de cálculo para a incidência do PIS e da Cofins”. Em junho, a PGR opinou pela modulação dos efeitos da decisão.

Conforme o parquet, a tese fixada em repercussão geral – com eficácia vinculante e efeitos ultra partes – “produz importante modificação no sistema tributário brasileiro, alcança um grande número de transações fiscais e pode acarretar grave impacto nas contas públicas” e por isso defende a modulação dos efeitos do acórdão, de modo que o decidido na repercussão tenha eficácia pro futuro, a partir do julgamento dos declaratórios.

Todos esses riscos, somados à atual e notória crise econômica por que passa o país e à necessidade de dar-se primazia ao equilíbrio orçamentário financeiro do Estado, impõem a cautela de proceder-se à modulação dos efeitos da decisão embargada, de modo que o cumprimento do aresto não detenha efeitos retroativos, mas eficácia póstera”, defendeu Raquel Dodge.

Orgulhoso, Guerrero elogia Peru e rechaça favoritismo do Brasil

Orgulhoso, Guerrero elogia Peru e rechaça favoritismo do Brasil

Foto: Gabriel Rios / Bahia Notícias

O Peru está de volta a uma final de Copa América após 44 anos. De maneira contundente, os peruanos venceram o Chile por 3 a 0, na noite desta quarta-feira (3), na Arena do Grêmio, pela semifinal da competição. Autor de um dos gols, Guerrero elogiou a partida feita por sua equipe. 

 

“Estou muito orgulhoso dos meus companheiros. Quando concentramos, conseguimos. Toda equipe rendeu muito bem, nos sacrificamos, e acho que merecemos estar na final”, disse em entrevista ao SporTV. 

 

Agora, os peruanos encaram o Brasil na decisão. A partida acontece no domingo (7), às 17h, no Maracanã. Guerrero pregou respeito aos donos da casa, mas salientou que será uma partida difícil para os dois lados e rechaçou favoritismo para a seleção pentacampeã mundial. Vale lembrar que as seleções se enfrentaram na primeira fase do certame, com vitória brasileira por 5 a 0 na Arena Corinthians. 

 

“No futebol não existe favorito e hoje mostramos mais uma vez. Ganhamos de forma contundente por 3 a 0. Estou muito feliz no Brasil, respeito muito eles, mas faremos de tudo para sair com o título. Será um jogo difícil, sabemos como eles jogam, mas é uma final e temos que encarar como uma final”, afirmou.

 

O Peru busca seu terceiro título na competição. As outras duas conquistas aconteceram em 1939 e 1975.  





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia