WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
março 2019
D S T Q Q S S
« fev    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

:: ‘Blog’

PM descobre centro de armazenamento ilegal de combustíveis

Cerca de 23 mil litros de gasolina, etanol e óleo diesel estavam escondidos em um galpão na cidade de Candeias.
Equipes da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Polo Industrial desmontaram, na noite de sexta-feira (1), um centro de armazenamento e comércio ilegal de combustíveis. Cerca de 23 mil litros de gasolina, etanol e óleo diesel estavam escondidos em um galpão na cidade de Candeias.
Após denúncias anônimas e ocorrências com incêndios, a unidade especializada deflagrou a operação Tudo Certo na Bahia. Na BA-522, em um terreno protegido por muros, os militares encontraram um tanque subterrâneo, caminhões desviados e aproximadamente 23 mil litros de gasolina, etanol e óleo diesel.
Um homem de prenome Paulo e o material apreendido foram apresentados na Delegacia Territorial de Candeias. “Seguiremos com as ações surpresas contra as quadrilhas especializadas neste tipo de crime. Sempre de maneira surpresa”, informou o comandante da Cipe Polo Industrial, major Orlando Rodrigues

Dr. Cosme Araújo ajuda o município com ações que beneficiam os jovens carentes

Ontem dia 01/03/2019 na cidade de Ilhéus BA, no Residencial Vilela localizado no bairro Teotônio Vilela, o advogado Cosme Araújo “ O defensor do povo”, esteve presente junto com os pais e filhos em uma reunião para tratar sobre Projeto social “Escolinha de futebol Camisa 10 RDV” , que foi fundado dia 5 de novembro de 2017, pelos professores Enderson,Gil e Fernando, a instituição é totalmente sem fins lucrativos .O projeto tem como seu principal intuito de ajudar os jovens carentes do bairro, que hoje atende entre 114 a 130 crianças, ensinando a prática de futebol, junto com o acompanhamento escolar gratuitamente. Foram discutidos vários assuntos e um deles foi o desenvolvimento social na comunidade, onde o projeto já se inicia com um mutirão para a retirada de carteira de identidade para os jovens carentes .

WEB TV

PUBLICIDADE


ACUSADO DE MATAR E ENTERRAR COLOMBIANOS EM COVA RASA SERÁ JULGADO DIA 15 EM ILHÉUS

 

O juiz Gustavo Henrique de Almeida Lyra, da Vara de Execuções Penais da Comarca de Ilhéus, marcou para o dia 15 de março, no Fórum Epaminondas Berbert de Castro, o julgamento do comerciante Magno Rodrigues Silva, informa o blog FRN. Rodrigues é acusado de envolvimento no assassinato dos colombianos Diana Paola Zuluaga Grisales e Yorleth Andres Alban Tenório.

Os colombianos foram mortos em 18 de maio do ano passado, em Aritaguá, zona norte de Ilhéus. Os corpos de Diana e Andres foram enterrados numa cova rasa, descoberta pela polícia na mesma noite do crime. O acusado e um comparsa estavam no local, mas conseguiram fugir de um cerco policial, segundo investigações. Magno Rodrigues se entregou 19 dias depois do duplo homicídio, em 6 de junho de 2018.

De acordo com a polícia, Diana e Andres sofreram uma emboscada armada por Magno Rodrigues, que tinha uma dívida de R$ 50 mil com as vítimas. Em depoimento à polícia, o comerciante confessou participação no duplo homicídio e disse que os disparos contra os colombianos foram feitos por Cosme Santana Nunes, seu funcionário à época.

O CONFRONTO COM A POLÍCIA E A FUGA

Magno Rodrigues informou, em depoimento à titular do Núcleo de Homicídios de Ilhéus, delegada Andréa Oliveira, que a intenção era sequestrar e matar as vítimas para saldar débito de R$ 50 mil com um cigano de prenome Aldo. Os criminosos atraíram os colombianos dizendo que pagaria uma parcela de R$ 7 mil. Quando eles chegaram o local do combinado tiveram de entrar em um carro de Magno, conforme apuração da polícia.

Eles seguiram em direção a Aritaguá, onde Magno entrou em um ramal e seguiu até a beira do Rio Almada, onde o casal foi assassinado a tiros, conforme a Polícia Civil. Os corpos de Diana e Andres foram deixados no local, enquanto Cosme e Magno seguiam até o lava jato do comerciante para pegar ferramentas para abrir covas. Os dois corpos foram lançados um em cima do outro no cemitério de Aritaguá.

Após denúncia anônima, policiais militares chegaram ao local, sendo recebidos a tiros. Magno e Cosme tentaram fugir no carro Mitsubishi ASX, placa OZM-5151, passando por cima de túmulos. Ao se aproximarem da mata, abandonaram o veículo e fugiram a pé pela vegetação. O veículo ajudou a polícia a encontrar os acusados do duplo homicídio.

PRF APREENDE COCAÍNA TRANSPORTADA EM COMPARTIMENTO DE CARRO

 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, nesta sexta-feira (1º), aproximadamente 4,3 kg de cocaína, embalada em tabletes. A droga estava escondida em um compartimento nas laterais de um veículo I/PEUGEOT 307. O flagrante ocorreu durante fiscalização da PRF de combate a criminalidade no KM 677 da BR-116, em Jequié, no sudoeste da Bahia.

De acordo com a PRF, inicialmente foi dada ordem de parada ao veículo, sendo realizado pelos agentes os procedimentos de abordagem. Durante a entrevista ao motorista, um homem de 31 anos, percebeu-se certo nervosismo e contradições.

Em seguida foi realizada vistoria minuciosa no automóvel e os policiais encontraram os tabletes escondidos em um nicho nas duas laterais do carro. Ao ser questionado, o homem informou que recebeu o carro e a droga em São Paulo (SP) e ganhou R$ 4 mil pelo transporte. O destino do entorpecente seria a cidade alagoana de Arapiraca.

O homem foi levado com o produto apreendido para a Delegacia de Polícia Civil em Jequié e apresentado à autoridade policial.

ILHÉUS ESTÁ ENTRE OS DESTINOS MAIS PROCURADOS NA BAHIA PARA O CARNAVAL

Movimento nas Prais de Ilhéus dia 1 de jan 2019 - foto Rodrigo Macedo (4)

Quem procura por sossego e quer passar um carnaval tranquilo, com certeza vai desembarcar em Ilhéus. A cidade está entre os destinos mais procurados na Bahia para o feriadão de carnaval. Com belas praias, lagoas, queda d’água e cachoeira, a cidade oferece várias opções para quem é amante da natureza e deseja descansar. Durante o carnaval, está prevista uma ocupação turística de quase 100%, concentrada na rede hoteleira, que possui aproximadamente oito mil leitos, entre empreendimentos de luxo e simples albergues.

Segundo informações da Secretaria do Turismo da Bahia (Setur), foi preparada uma ação especial de receptivo durante a folia, com o objetivo de ofertar informações turísticas de qualidade a quem visitar os principais destinos do carnaval no Estado, a exemplo de Salvador, Praia do forte, Porto Seguro e Ilhéus. Ainda de acordo com a Setur Bahia, os atendimentos serão realizados na capital, em locais estratégicos, por profissionais qualificados em 10 idiomas, além da Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Salvador é a capital do carnaval, porém muita gente prefere aproveitar esses dias para descansar. Com cerca de 90 quilômetros de praias exuberantes, Ilhéus atrai bastantes turistas nessa época do ano. Segundo o presidente da Associação de Turismo de Ilhéus (Atil), Átila Eiras, os visitantes estão começando chegar à cidade. “A expectativa é que a rede hoteleira registre 100% de ocupação. Ilhéus mantém a vocação turística e tradição de encher nesse período, mesmo sem a realização do carnaval oficial”, declarou o representante do trade turístico.

Postos policiais vão facilitar a segurança dos foliões

Para que o folião tenha um atendimento de qualidade durante o carnaval, foram montados mais de 400 postos policiais nos circuitos oficiais de Salvador e em bairros da capital e na Região Metropolitana, que participam do festejo. 
A Polícia Militar terá 319 postos, a Civil 35 e o Corpo de Bombeiros 28. Eles são de vários tipos – de abordagens, elevados, de comando, de reunião de tropa, bases especiais e de integração – e   têm como objetivo fiscalizar os circuitos e as entradas e saídas da festa. O Corpo de Bombeiros possui nove postos de comando e o DPT cinco, onde serão realizadas perícias, elaborados laudos, conferidas identificações civis e identificadas drogas.
A novidade deste ano é a inclusão de três postos da Delegacia Especializada em Atendimento a Mulher e um de Atendimento às Vitimas de Racismo e outros Delitos de Intolerância. “A finalidade é facilitar o folião na procura, em caso de algum problema, de um serviço especializado de qualidade dentro do circuito”, esclareceu o subsecretário da Segurança Pública, Ary Pereira de Oliveira. 
A novidade deste ano é a inclusão de três postos da Delegacia Especializada em Atendimento a Mulher e um de Atendimento às Vitimas de Racismo e outros Delitos de Intolerância. “A finalidade é facilitar o folião na procura, em caso de algum problema, de um serviço especializado de qualidade dentro do circuito”, esclareceu o subsecretário da Segurança Pública, Ary Pereira de Oliveira.

Confira as dicas e cuidados para comprar abadás

Resolveu brincar o Carnaval em Salvador de última hora? Então fique atento aos cuidados no momento de comprar abadás e acessos a camarotes muito perto do início da folia.  Para evitar fraudes, opte por adquiri-los nos postos de venda autorizados.
Conforme esclareceu o delegado Marcelo Tânus, titular da Delegacia de Defesa do Consumidor (Decon), comprar em espaços oficiais do bloco e camarote ou com representantes credenciados para a venda assegura garantia ao folião, caso aconteça algum problema. “Não se deve esquecer de verificar o horário de funcionamento dos camarotes e de seus bares, para evitar transtornos e frustrações”, aconselhou.
ssp
Tânus explicou ainda como proceder em busca de ajuda. “Tendo em mãos a nota fiscal, o carnê ou comprovantes legais e, se o prometido na venda não se concretizar, como quantidade de dias inclusos no pacote ou até mesmo algum acesso, o consumidor pode acionar a Decon”, destacou. 
Segundo o delegado, o folião deve evitar comprar abadás ou camarotes virtualmente (em sites ou aplicativos de vendas). Além do risco de adquirir um produto que não é original, também está contribundo com criminosos, que negociam com produtos furtados, roubados ou falsificados.

Ministro do Turismo conhece esquema de segurança do Carnaval

Mais de R$ 46 milhões em investimentos, milhares de policiais nas ruas e tecnologia a serviço da segurança. Todo o esquema das forças policiais para a maior festa a céu aberto do planeta foi apresentado, na manhã desta quinta-feira (28), ao ministro do Turismo, Marcelo Álvaro. O secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, ao lado do secretário de Turismo, Fausto Franco, mostrou à comitiva os principais serviços executados no Centro de Operações e Inteligência para a folia, dentre eles, a novidade deste ano: a utilização do sistema de reconhecimento facial nos circuitos.

Os demais secretários de segurança que me perdoem a franqueza, mas quando se trata de policiamento em grandes eventos, a polícia baiana sai na frente em todo o país”, elogiou Barbosa, ao contar ao ministro o trabalho realizado pelas polícias nos circuitos onde são esperadas quase dois milhões de pessoas.

Reforçou também a quantidade mínima de ocorrências policiais, quando equiparadas ao tamanho da festa. “Ano a ano fazemos alguns ajustes, mas no geral, a polícia baiana domina o trabalho de forma sistêmica. Não a toa é referência para outros estados e muito bem avaliada por turistas nacionais e internacionais, nas copas das Confederações e do Mundo”, continuou.

Já Marcelo Álvaro se surpreendeu com a organização do planejamento para a folia. “Salvador hoje é uma cidade que está preparada para receber os turistas, um exemplo de trabalho coordenado, integrado, um casepara o resto do país. O Brasil e o mundo precisam ter noção disso. Os turistas precisam saber que podem vir com suas famílias que aqui além de muita diversão, eles estarão seguros”, afirmou o ministro, que vai passar a quinta de carnaval na capital baiana.

Ainda segundo ele, a comitiva está visitando os estados brasileiros para conhecer a realidade turística de cada um com o objetivo de elaborar um plano estratégico de divulgação das belezas brasileiras.

Após condenação, operador do PSDB vira réu sob acusação de corrupção em obras

Após condenação, operador do PSDB vira réu sob acusação de corrupção em obras

O ex-diretor da Dersa (estatal rodoviária paulista) Paulo Vieira de Souza, conhecido como Paulo Preto, tornou-se réu no processo em que é acusado de corrupção e lavagem de dinheiro desviado de obras do Rodoanel Sul (anel viário que contorna a cidade de São Paulo), do Sistema Viário Metropolitano de São Paulo e da Estrada Parque Várzea do Tietê.

Esta é a terceira vez que o engenheiro que foi diretor da Dersa vira réu em um processo relacionado à Operação Lava Jato. O juiz Diego Paes Moreira, da 6 Vara Criminal Federal de São Paulo, recebeu a denúncia feita pela força-tarefa do Ministério Público Federal paulista nesta sexta-feira (1º) e no mesmo dia decidiu aceitá-la.

Segundo a acusação, Paulo Preto chefiou um esquema na Dersa que cobrava de 0,75% a 5% de propina das empreiteiras que trabalhavam nas obras. Os procuradores da Lava Jato calcularam que o ex-diretor da Dersa desviou R$ 27 milhões para contas de uma offshore que ele mantinha na Suíça. No total as contas acumulavam R$ 126 milhões.

Paulo Preto é acusado de participar de oito episódios de corrupção envolvendo obras viárias em São Paulo. Cinco casos no trecho sul do Rodoanel, dois no Sistema Viário e um na Estrada Parque. Se condenado, a pena poderá somar de 8 a 64 anos de prisão, segundo o Ministério Público.

Ele também é acusado de fazer treze operações para lavar o dinheiro vindo de desvios das obras viárias da Dersa. Os procuradores pediram que cada operação de lavagem de ativos seja considerada um fato criminoso e que as penas sejam somadas. Se condenado pelos 13 fatos, o ex-diretor da Dersa poderá receber uma pena de 39 a 130 anos de prisão. Caso seja condenado por todos os fatos de corrupção e lavagem de dinheiro que lhe foram imputados, o acusado poderá receber uma pena total de 194 anos de prisão.

Foi uma semana de derrotas importantes para Paulo Preto no Judiciário. Na quinta-feira ele foi condenado a 27 anos de prisão -as primeiras sete em regime fechado- acusado de fraude em licitação e formação de cartel também em obras do trecho sul do Rodoanel e do Sistema Viário. Estes casos, porém, não são os mesmos da denúncia que o tornou réu nesta sexta.

Ainda nesta sexta o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, decidiu destrancar a ação, também da Lava Jato paulista, em que o engenheiro é acusado de peculato por desviar R$ 7,7 milhões de verbas de desapropriações relacionadas a obras do Rodoanel Sul.

Em 14 de fevereiro o ministro atendeu um pedido de liminar da defesa de Paulo Preto anulando a fase final do processo e reabrindo a possibilidade de produção de provas por parte dos réus do caso. Gilmar reconsiderou o caso nesta sexta e agora o processo está pronto para ser julgado.

Paulo Preto está preso desde o último dia 19 de fevereiro por ordem da juíza Gabriela Hardt, substituta de Sergio Moro na Lava Jato paranaense. Ela atendeu a um pedido feito pelos procuradores de Curitiba, que acusam o ex-diretor da Dersa de operar com o departamento de propinas da Odebrecht.

Segundo o procurador André Lasmar, da Lava Jato paulista, a denúncia de hoje não guarda relação com o processo que levou o engenheiro para a cadeia. “É importante destacar que não existe qualquer sobreposição ou conflito dos fatos investigados na presente denúncia com as investigações em curso em Curitiba”, disse Lasmar.

Lula deixa sede da Polícia Federal para ir a velório de neto

Lula deixa sede da Polícia Federal para ir a velório de neto

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deixou a carceragem da Polícia Federal, em Curitiba, na manhã deste sábado (2), por volta das 7 horas, para acompanhar o velório do neto Arthur Lula da Silva, de 7 anos. 

Segundo o G1, o petista saiu da sede da PF em um helicóptero da Polícia Civil e seguiu para o Aeroporto do Bacacheri, também na capital, e embarcou em uma aeronave do governo do Paraná. O avião decolou do terminal aéreo às 7h19.

O velório do corpo de Arthur acontece no Cemitério Jardim da Colina, em São Bernardo do Campo.





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia