WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia



Fevereiro 2018
D S T Q Q S S
« dez    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728  





Julgamento de Kátia Vargas terá distribuição de senhas para quem quiser assistir

Acusada de perseguir e matar os irmãos Emanuele Gomes Dias e Emanuel Gomes Dias, de 22 e 23 anos, depois de uma discussão de trânsito, em Salvador, a médica Kátia Vargas será julgada no próximo dia 5. Hoje (23), o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) divulgou orientações para quem quiser acompanhar o julgamento. O caso ocorreu em 2013, no bairro de Ondina.

O julgamento está marcado para as 8h, no salão do júri, no Fórum Ruy Barbosa. Quem quiser acompanhá-lo deve pegar uma senha. A distribuição será feita no dia 1º de dezembro (sexta-feira), das 8 às 11 horas, no Fórum das Famílias, em Nazaré (ao lado do Fórum Ruy Barbosa).

Toda Bahia

Queijo e biscoito em cueca levam deputado à isolamento na penitenciária (Em Ilhéus tem gente que vai dançar tango em Paris breve)

Agência Brasil

23 de novembro de 2017, 18:03

Thyara Araujo

Já se passaram 12 anos da prisão de José Adalberto Vieira da Silva, ex-petista e à época assessor do então deputado estadual José Guimarães (PT), no aeroporto de Congonhas com US$ 100 mil na cueca e mais R$ 209 mil em uma maleta, o chamado “Caso dos Dólares na Cueca”. Agora, um caso de guarda de itens na cueca veio ao conhecimento na mídia nesta quinta-feira (23). Trata-se do deputado Celso Jacob (PMDB-RJ), atualmente detido no Complexo Penitenciário da Papuda, no Distrito Federal, que passará uma semana em regime de isolamento após ter sido flagrado com queijo provolone e dois pacotes de biscoitos escondidos na cueca.

Jacob foi condenado a 7 anos em regime semiaberto por falsificação de documento público e outras irregularidades cometidas durante o período em que foi prefeito de Três Rios (RJ).

De acordo com a Subsecretaria do Sistema Penitenciário (Sesipe), da Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social (SSP), “o interno foi levado imediatamente para o isolamento, onde ficará por sete dias”.

Toda Bahia

Carta de cidadã demonstra indignação da população de Ilhéus com o prefeito Mario Alexandre (Nadão)

Após a onda de turbulências e reclamações em torno da saúde de Ilhéus, que pairaram esta semana, entre abertura e fechamento de hospital Regional do Estado, ausência de eficiência administrativa da gestão municipal, e precariedade no setor, uma cidadã ilheense, escreveu uma carta, de próprio punho, endereçada ao prefeito da cidade, Dr. Mario Alexandre.

Na carta, de escrita simples, mas, contando amplo conhecimento com relação a realidade vivenciada por cada cidadão desta cidade, a moradora chama a atenção do prefeito, para a o descaso com a saúde, e diz:

“ Sou moradora de Ilhéus a 45 anos, na minha trajetória nunca vi tanto descaso com está cidade como estou vendo agora”, escreve a cidadã e cita a obra do posto Sarah Kubitschek como exemplo de vergonha no município. “Veja a obra daquele posto no Parque Infantil está parecendo um chiqueiro, o senhor não tem vergonha daquela situação não, porque o sr.  nas campanhas para prefeito deu a sua palavra que ia modernizar a saúde, mas eu estou só vendo destruição”, argumentou a moradora.

Ainda na carta, a cidadã tece críticas à forma como a obra do Posto Sarah está ocorrendo, alegando que antes, mesmo sem estrutura, ainda havia médico para atender a população, hoje, com a demolição, a população está desamparada. “ Ruim ou bom, ainda tinha medico agora é só parede no chão, somos gente, pessoa, não porcos”, indagou.

E intimou o prefeito Mario Alexandre para assumir o compromisso firmado com o povo, no período de campanha “conserte o que o sr. destruiu, seja um prefeito de nome, de palavra, não de mentira. Todos os dias eu passo ali e fico me perguntando, cadê o prefeito desta cidade, será que ele existe ou é um fantasma?”, concluiu a cidadã que não assinou a carta, mas facilmente pode ser chamada de Ilhéus.

Redação do site O Defensor

O PREFEITO MÁRIO ALEXANDRE QUER AJUDAR O REMO ESPORTIVO EM ILHÉUS.

Ansioso em ajudar o remo em Ilhéus, juntando com a vontade já externada do Presidente do novo clube, em ter um espaço na baía do Pontal, próximo ao Boca du Mar, para fazer um barracão e guardar os barcos.

O Sarrafo vem humildemente sugerir a desapropriação desta área abaixo, para servir ao novo clube.

Sarrafo

O defensor: Veja a cara do prefeito, reflete nestas paisagens.

Ex-assessor promete provar que devolvia parte do salário a Geddel e Lúcio Vieira Lima

Ex-assessor promete provar que devolvia parte do salário a Geddel e Lúcio Vieira Lima

Foto: Divulgação

Ex-assesor de Geddel e Lúcio Vieira Lima, Job Ribeiro Brandão promete entregar à Polícia Federal e à Procuradoria-Geral da República (PGR) provas de que ele devolvia parte do seu salário na Câmara para os políticos (veja mais). Segundo informações da Folha de S. Paulo, ele encontrou registros de transferências bancárias que em nome de parentes de Geddel e Lúcio nos últimos cinco anos. O advogado de Job, Marcelo Ferreira, confirmou a intenção de entregar os documentos. Ele relata que havia um padrão de saques nas horas seguintes do depósito do salário a cada mês. Em depoimento à Polícia Federal, o ex-assessor declarou que ficava com cerca de R$ 2.500 por mês do seu salário na Câmara e devolvia cerca de R$ 9.000 à família de Geddel e Lúcio. Job cumpre prisão domiciliar depois que suas digitais foram identificadas em notas que estavam entre os R$ 51 milhões encontrados no “bunker” de Geddel em um apartamento Salvador. Ele está em negociação com a Procuradoria-Geral da República para fechar acordo de delação premiada (veja mais).

Bahia Notícias

Site O Defensor: Se apurar na Câmara de Vereadores não é difícil vê este procedimento que já virou rotina há muitos anos.

Justiça instaura ação penal contra empresas que não recolheram ICMS ao fisco

O cerco à sonegação ganha novo impulso na Bahia com a decisão do juiz Ícaro Matos, da Primeira Vara Especializada Criminal de Salvador, de instaurar ação penal contra empresários que não repassaram à Fazenda Pública o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) recolhido dos consumidores. A ação envolve as empresas Itaguassu Agroindustrial, Pão Express e Megabmart Brinquedos e Presentes, alvos de denúncia do Ministério Público Estadual por deixarem de recolher, juntas, um total aproximado de R$ 26 milhões ao fisco estadual. De acordo com a denúncia oferecida pelo Grupo de Atuação Especial de Combate à Sonegação Fiscal e aos Crimes Contra a Ordem Tributária, Econômica, as Relações de Consumo e a Economia Popular (Gaesf) do MP-BA, as empresas declararam que deviam o imposto incluído no preço das mercadorias, mas não fizeram o recolhimento aos cofres públicos. E vem mais por aí: o MP-BA anunciou, esta semana, que dará prioridade ao ajuizamento de ações penais contra empresários envolvidos nesse tipo de sonegação, prática que nos últimos três anos impediu o recolhimento aos cofres públicos de cerca de R$ 1 bilhão.

PoliticaLvre

MP do Rio pede anulação de votação que soltou deputados presos Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi foram liberados 24 horas depois

Nomeação de esposa para secretaria de governo é crime de nepotismo, explica Dr. Cosme Araújo no programa O Quarto Poder

Na manhã desta sexta-feira (17), fazendo uso de sua participação especial no programa O Quarto Poder, da rádio O Defensor, transmitido diariamente das 7 as 8h pela web, o Dr. Cosme Araújo, conhecido como Defensor do Povo, expôs sua visão jurídica e política sobre a decisão, tomada na última quarta feira (14), pelo Ministro do Supremo Tribunal Federal, Marco Aurélio, que deferiu liminar para suspender a eficácia de portarias do prefeito de Touros (RN), Francisco de Assis Pinheiro de Andrade, nomeando sua mulher e filho para cargos de secretários municipal. A decisão foi tomada na Reclamação (RCL) 26424, ajuizada por um advogado residente na cidade. Em análise preliminar do caso, o ministro verificou que os atos mencionados violam a preceito dispositivo da Súmula Vinculante 13, que veda a pratica de nepotismo no país.

Traçando um paralelo a atual gestão municipal de Ilhéus, o Dr. Cosme Araújo, mencionou que a pratica de nepotismo, seja ele direto ou cruzado, vem sendo um habito do atual governo Mário Alexandre, que possui além da sua esposa, Soane Galvão, como secretária de Desenvolvimento Social, ainda mantém sua irmã, nomeada no gabinete do Presidente da Câmara, que por sua vez recebeu a nomeação,  também de uma irmã para cargo de chefia dentro da prefeitura da cidade, trocando “favores” para “ludibriar” o povo e a justiça.

A pratica de nepotismo, infringe um dos princípios administrativos mais importantes da administração pública, a impessoalidade. Na sua explanação o Dr. Cosme Araújo, questionou ainda a morosidade do Ministério Público que, por certo, com acumulo de serviço,  mesmo diante as evidencias dos atos praticados pela atual gestão, não se posicionou com relação a tentar inibir as práticas, que além do nepotismo evidente e escancarado, vem gerindo o erário público de forma “administrativamente questionável e irresponsável”, completou o Defensor do Povo, em sua participação no programa O Quarto Poder.

Por Caliana Mesquita

Manchetes dos Jornais

A Tarde
Polícia encontra carro que teria sido usado em morte de aluno da Ufba

Correio da Bahia
Mandante confesso da morte de Valdir Cabeleireiro não será julgado

Tribuna da Bahia
Trade otimista com a ocupação hoteleira no verão da capital baiana

O Globo
FHC defende Geraldo Alckmin para presidência do PSDB

O Dia
Protesto no Centro contra reformas que prejudicam trabalhador

Extra
Polícia prende Cachorrão, apontado como articulador da guerra na Rocinha

Folha de São Paulo
Congresso dá ‘feriadão’ de uma semana para os parlamentares

O Estado de São Paulo
Reforma trabalhista entra em vigor sem definição sobre pontos polêmicos

Correio Braziliense
Quatro pessoas sobrevivem a queda e explosão de avião, em Goiás Velho

Valor Econômico
Novo diretor da PF diz que vai “combater melhor” a corrupção e faz aceno ao MPF

Estado de Minas
Filha de deputado e outros dois brasileiros estão em grupo de estrangeiros presos no Zimbábue

Jornal do Commercio
Último suspeito da operação Torrentes se entrega à Polícia Federal

Diário do Nordeste
Polícia apreende 81 celulares, uma pistola 380 e 64 munições em presídio do Ceará

Zero Hora
Após perseguição, dois suspeitos são mortos pela BM na Avenida Ipiranga

Brasil Econômico
IPCA acumulado até outubro registra menor patamar desde 1998, diz IBGE

Águia de Haia: MPF denuncia dez pessoas por fraude em licitação; prejuízo é de R$ 800 mil – “Mais pepinos para os gatunos”

Sexta, 10 de Novembro de 2017 – 20:40

Águia de Haia: MPF denuncia dez pessoas por fraude em licitação; prejuízo é de R$ 800 mil

Deputada Ângela Souza foi apontada como intermediadora | Foto: Divulgação

O Ministério Público Federal (MPF), em Ilhéus, no sul da Bahia, denunciou dez pessoas na Justiça, a partir de provas obtidas durante a Operação Águia de Haia. A operação foi deflagrada em 2013 para apurar desvios de recursos do Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação Básica (Fundef) pelo prefeito e servidores de Ruy Barbosa. Segundo a ação, os denunciados desviaram R$ 801 mil em um processo licitatório na cidade de Ibirapitanga. No curso da investigação, ficou constatado com o denunciado Kells Belarmino Mendes liderava uma organização criminosa composta pelos também denunciados Marconi Edson Baya, Fernanda Cristina Marcondes Camargo, Rodrigo Seabra Bartelega Souza e Maycon Gonçalves Oliveira dos Santos, que fraudou licitações e desviou recursos públicos, por meio de pagamentos exorbitantes por serviços não eram prestados. Segundo o MPF, a organização agia em diversos municípios e negociava com as prefeituras um “pacote fechado”. O pacote viabiliza as fraudes com minutas e modelos de peças de licitação, para permitir que as empresas do grupo fossem as únicas interessadas e fossem as vencedoras dos certames. Em Ibirapitanga, o MPF concluiu que o grupo criminoso agiu com auxílio da deputada estadual Ângelo Souza (PSD). A organização cooptou o então prefeito de Ibirapitanga, Antônio Conceição Almeida, por meio de promessa de pagamento de propina. No acerto, os membros da quadrilha Marconi Edson Baya, Fernanda Cristina Marcondes Camargo, Rodrigo Seabra Bartelega Souza e Maycon Gonçalves Oliveira dos Santos forneceram os modelos e orientaram os servidores da Prefeitura de Ibirapitanga, incluindo a então secretária de educação Jailma dos Santos Marambaia e o presidente da comissão de licitação Antônio Souza Pacheco, a fraudarem a licitação Pregão nº 042/2011. A empresa Ktec, que venceu a licitação, recebeu entre fevereiro e agosto de 2012, cinco pagamentos que somaram R$ 1 milhão, sem ter condições de executar os serviços ofertados por não existir infraestrutura para serem implantados nas escolas municipais, como computadores e acesso à internet de qualidade mínima. O ex-prefeito recebeu R$ 300 mil. Durante uma delação premiada, Kells Mendes informou que o contrato foi intermediado pela deputada Ângela Souza, no gabinete da própria parlamentar. A cada pagamento que a prefeitura realizasse a empresa, o então prefeito receberia R$ 60 mil e Ângela receberia 5% do valor da fatura. O MPF pede que os denunciados sejam condenados por fraude a licitação, por desvio de recursos. Três denunciados ainda poderão ser condenados por lavagem de dinheiro. A deputada Ângela Souza já responde a uma ação penal perante o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) (clique aqui e saiba mais).

Bahia Notícia

Novo diretor-geral da PF avalia corrupção no Brasil como “sistêmica”

11 de novembro de 2017, 09:43

O novo diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, avaliou nesta sexta-feira (10) à TV Globo que a corrupção no Brasil é “sistêmica”. Segóvia assumiu o comando da PF nesta semana, substituindo Leandro Daiello, que estava no cargo desde 2011. A nomeação do novo diretor-geral já foi publicada no “Diário Oficial da União”.

“A Lava Jato, na realidade, ela é uma das operações de combate à corrupção no país. O que a Polícia Federal pretende é justamente ampliar, aumentar o combate à corrupção. Então, não será só uma ampliação, uma melhoria na Lava Jato, será em todas as operações que a Polícia Federal já vem empreendendo, bem como ainda ampliar, quer dizer, criar novas operações”, disse Segóvia nesta sexta.

Toda Bahia

No Programa O Quarto Poder, Dr. Cosme Araújo falou sobre a Câmara de Vereadores de Ilhéus

 

Na manhã desta sexta feira (10), o Defensor do Povo, Dr. Cosme Araújo, no uso de sua participação no programa matinal, O Quarto Poder, transmitido diariamente das 7 as 8h, pela Rádio Web O Defensor, expos aos ouvintes e cidadãos que acompanham a programação, sua opinião com relação a atual Câmara de Vereadores da cidade de Ilhéus, tecendo duras críticas a postura omissa dos legisladores ilheenses, traçando um paralelo com a Câmara de antigamente, que possuía edis que temiam a manifestação popular, que respeitava o cidadão e se apresentava em plenário de forma autentica, fazendo oposição aos desmandos do executivo.

“Hoje nós estamos vendo o contrário. Hoje estamos observando uma Câmara de vereadores omissa, sem representatividade, onde os vereadores estão apenas e tão somente preocupados em gastar 1,1 milhão de reais por mês, sem que exista 1% de retorno para população”, afirmou Dr. Cosme Araújo indignado com a postura dos parlamentares.

Enquanto a população fica sem saber o que acontece nos bastidores, muitos vereadores recebem diárias, outros recebem cargos na Câmara, outros na Prefeitura, em empresas terceirizadas, em um conluio a toda prova”, completou.

Em outro trecho da sua fala, o Dr. Cosme Araújo, fez referência as recentes manifestações de alguns parlamentares contra o atual prefeito de Ilhéus, Mario Alexandre, referindo-se, entre estes, ao vereador do PDT, Cesar Porto, que inclusive disse alto e bom que o desgoverno em Ilhéus é uma “merda”. O que concordamos.

Na oportunidade, o Defensor do Povo, disse ter visto com olhares cautelosos as manifestações inusitadas dos vereadores, já que os mesmos até o momento haviam tecido posições de bajuladores do executivo, com fotos e abraços etc… “Tenho receio que estas críticas sejam tão somente para que o prefeito chame para conversar”, disse o advogado e líder politico Cosme Araújo alertando a população sobre a fragilidade de posição dos edis, e concluiu “As posições obscuras, como as apresentadas esta semana, levam a suspeita que estão compostas de segundas e terceiras intenções, e não queremos isto para nossa cidade. Estaremos aqui sempre combatendo o que for de errado”, expôs o Dr. Cosme Araújo em sua participação no programa O Quarto Poder.

Acompanhe diariamente o Programa O Quarto Poder! www.radiodefensor.com.br

Redação site O Defensor

  • A vasta e vergonhosa lista de feminicídios na Bahia em 2017
    19 de dezembro de 2017 | 17:49

    Daiane Reis, 25, morta em Serrinha aos 9 meses de gravidez, foi a 39ª vítima Maria Vera, Andreza, Helem, Luana, Vanúcia, Janaína, Daniela. Agora, Daiane. Essas são apenas algumas das mulheres que, em 2017, foram vítimas de feminicídio. Não faltaram motivos; justificativas que tentassem explicar o inexplicável: ciúmes, discussão, traição, ameaça de expor a relação. […]

    No Comments

  • POLÍTICO CONDENADO Ministro do STF ordena que Maluf comece a cumprir pena de prisão
    19 de dezembro de 2017 | 17:40

    O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF) determinou nesta terça-feira (19) o “imediato início” do cumprimento da pena de 7 anos, 9 meses e 10 dias de prisão, imposta pelo tribunal ao deputado federal Paulo Maluf (PP-SP). Na condenação, o STF determinou que a pena começará no regime fechado, sem possibilidade de saída durante […]

    No Comments

  • RSSArchive


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia