WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia



dezembro 2017
D S T Q Q S S
« nov    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  





PF faz operação de busca e apreensão no TJ-BA

Polícia Federal realiza uma operação de busca e apreensão em salas no Tribunal de Justiça da Bahia nesta sexta-feira (7). Denominada “Vortigern”, a ação tem como objetivo investigar o vazamento de informações sob sigilo no TJ-BA. Um dos alvos seria o desembargador Olegário Monção Caldas.

Por determinação do Ministro Og Fernandes, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), são cumpridos três mandados de busca e apreensão e quatro de condução coercitiva. Ao todo, 20 agentes participam dos trabalhos desde as 6h, segundo informou a assessoria da PF ao bahia.ba.

Todas as medidas acontecem na Região Metropolitana de Salvador. Por se tratar de um inquérito judicial, a Polícia Federal não irá realizar entrevistas nem tampouco detalhar o caso.

Vortigern e Rowena – O nome da operação é uma referência a Vortigern e Rowena, um texto dramatúrgico apócrifo falsamente atribuído a William Shakespeare.

Publicação: bahia.ba

Sinal Vermelho: Volta dos Semáforos vai custar R$ 6,5 milhões ao ilheense

Diferentes pontos de Ilhéus estão sem semáforos há mais de dois meses. A dificuldade no trânsito da cidade está próxima de chegar ao fim, mas terá um custo alto, de 6,5 milhões de reais.
O governo Marão finalizou a contratação do consórcio Casulo, composto pelas empresas Engentra e Trafit, que será responsável pelo gerenciamento das sinaleiras.

Só de materiais pra semáforos, serão gastos 4 milhões de reais. O restante será pago pelos serviços.

IlheusemResumo.

O PDT EXPULSA O SECRETÁRIO DE MÁRIO ALEXANDRE – Alisson Mendonça – Por infidelidade partidária

O Diretório Municipal do PDT por seu Presidente determinou a notificação há mais de 15 dias, para que o filiado apresentasse, querendo,  sua defesa no prazo previso nas disposições legais. Ocorre que, o todo Poderoso Secretário de “Marinho” recusou a receber a notificação, alegando na oportunidade que, se partido quisesse notificá-lo deveria ser por AR, fato este presenciado por várias testemunhas, além de que, sua recusa foi gravada para que depois não se diga que não lhe foi dado o direito de defesa. Ainda assim, o Diretório fez a notificação por Ar, tendo o filiado quedado silente (mudo).

O Diretório por seu Presidente Dr. Cosme Araújo interpretou a rebeldia do filiado Alisson como mais um desrespeito ao partido, e por esta razão, entende que, operou-se a preclusão, para deliberadamente apresentar sua versão (defesa) em relação aos fatos constantes na Representação de uma filiada,  que pediu providências com base nos estatutos do PDT.

Saliente-se que, o PDT verificando uma série de motivos para não ter mais no seu quadro o filiado supra citado, solicitou ao mesmo que pedisse a desfiliação, entendendo que seria para aquele um desgaste desnecessário, contudo, este preferiu demonstrar uma “aparente força política” em detrimento do que preconiza os estatutos da agremiação partidária, que, em Ilhéus também está bem estruturada, sempre contando com o apoio da Executiva Estadual, que pretende em função dos sucessivos pedidos dos filiados sinceros, lançar candidatura na majoritária em 2018, pelo menos tem sido o comentário do líder maior o Deputado Federal Félix Mendonça Jr.

O “governo de Marinho”  que já anda caindo pelas tabelas, sofre mais um desgaste terrível, pois, também responderá procedimento previsto na legislação, uma vez que, nomeou secretário com contas rejeitadas, além das fundadas suspeitas de uma enxurradas de licitações fraudulentas com os mesmos modus operandi (maneira de operar),  denuncias do Ministério Público Federal envolvendo deputados do PSD. Oh meu Deus tendes piedade de nós!!!

Por: Mateus Andrade

BRASIL EXPORTA CORRUPÇÃO (Ilhéus também poderá exportar)

INVESTIGAÇÃO DE FRAUDE EM ANGOLA ENVOLVE EMPRESÁRIOS BRASILEIROS
QUATRO EMPRESÁRIOS DO BRASIL ACUSADOS DE CORRUPÇÃO EM ANGOLA
Publicado: 25 de junho de 2017
 Diário do Poder

Criança de 9 anos fica sem andar após contrair doença de caramujo durante banho de rio na Chapada Diamantina

Uma menina de nove anos está sem conseguir andar após contrair esquistossomose, depois de tomar banho de rio em Lençóis, na Chapada Diamantina, na Bahia. A Criança, que é da cidade de Itaberaba, visitou a região com a família em janeiro desse ano e, somente em abril, começou a apresentar os sintomas da doença.

Os parentes dizem que só desconfiaram que a menina estava com a doença depois de verem uma reportagem sobre 32 turistas mineiros que também contraíram esquistossomose após um passeio na Chapada.

Os turistas tomaram banho em um ponto turístico conhecido como Poção, que fica dentro de uma fazenda particular. A menina de 9 anos também passou pelo local com os parentes. A área foi interditada após os visitantes mineiros serem diagnosticados com a doença.
Ainda conforme os familiares, dois irmãos da criança também foram contaminados, mas não manifestaram a doença. Os pais aguardam resultados de exames para saber se também foram infectados.

Madre de Deus: MP pede afastamento de prefeito, secretário e assessora

O Ministério Público Estadual entrou com uma ação civil pública pedindo o afastamento imediato do prefeito de Madre de Deus, Jeferson Andrade; do secretário municipal Jibson Coutinho de Jesus; do chefe de Gabinete da Câmara, Adailton Cosme dos Santos; e da assessora Tânia Mara Pitangueira de Jesus. O ex-vereador Anselmo Duarte Ambrozzi também é alvo da denúncia. O grupo é acusado pelas promotorias que integram o Grupo Atuação Especial de Defesa do Patrimônio Público da Moralidade Administrativa (GEPAM) do MP de integrarem um esquema de “enriquecimento ilícito” ocorrido entre 2010 e 2012.

De acordo com as promotoras Rita Tourinho, Célia Boaventura, Patrícia Medrado e Rita Tourinho, foi realizado um acordo em dezembro de 2010, onde o prefeito e os demais envolvidos ondicionaram a eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal ao rateio de verbas públicas entre eles.

O MP aponta que o acordo era para que Andrade ocupasse a Presidência da Casa e interinamente o cargo de prefeito, o que se concretizou. De acordo com a denúncia, foi firmado um termo de acordo sobre a criação de cargos comissionados; criação de comissões de 5% relativo a reforma e construção do prédio da Câmara; superfaturamento de contratos; aumento do doudécimo do Legislativo Municipal e distribuição irregular de combustível para os vereadores, dentre outros ilícitos.

Na denúncia, os promotores citam que “os vereadores envolvidos no acordo também teriam sido agraciados com quatro viagens por ano, a serem custeadas pelo erário”.

Em depoimento ao MP, Jeferson Andrade disse ter tomado conhecimento da acusação há cerca de três meses através das redes sociais. O gestor afirmou também que não se lembra de ter assinado o documento que teria o “termo de acordo” do esquema. No entanto, admitiu que assinou um documento do bloco parlamentar que o lançiu candidato à presidência da Câmara. Andrade também confirmou que a assinatura que consta na peça “é muito semelhante” à sua.

O secretário Jibson de Jesus também disse que a assinatura atribuída a si é muito semelhante à sua. O auxiliar da prefeitura, assim como o prefeito, disse se recordar de ter assinado apenas o documento de apoio à candidatura de Andrade.

O ex-vereador Anselmo Duarte da Silva contou que só teve conhecimento da acusação após ser notificado pelo MP. O acusado também disse ser a assinatura ser muito semelhante à sua, mas que não teria assinado o termo de acordo do esquema investigado. Anselmo, assim como os demais investigados, afirmou ter assinado o documento de apoio a Andrade.

Adailton dos Santos, ex-vereador e atual chefe de Gabinete da Câmara, também disse que a assinatura é “muito parecida” com a sua, mas que não se lembra de ter rubricado o documento da denúncia.

FONTE: BOCÃO NEWS

PDT DE ILHÉUS EM AÇÃO CONTRA A CORRUPÇÃO

O Presidente do Diretório Municipal de Partido Democrático Trabalhista, Dr. Cosme Araújo participou nesta terça-feira, 20 de junho, da primeira reunião ordinária com filiados, simpatizantes e líderes sindicais, somando mais de 80 pessoas presentes. A reunião tinha como pauta: código de ética, encaminhamentos disciplinares e encaminhamentos eleitorais. Mais uma vez, os vereadores deixaram a desejar, não compareceram à reunião. Apenas na tarde de hoje o vereador César Porto justificou a ausência.

Cosme Araújo salientou que todos os eleitos que não compareceram reunião, sem justificar a ausência, o Partido tomará devidas providências. Ainda Araújo destaca que “Não é a primeira vez que isto ocorre nas reuniões marcadas pelo Partido. O PDT tem estatuto e eles devem respeitar”.

Também na reunião marcou presença o Presidente do Sindicato dos Radialistas, Elias Reis relembrou de como o PDT foi fundado 1979 pelo líder Leonel Brizola. Elias também destacou as “falcatruas” que existem há mais de anos dentro da Câmara Municipal de Ilhéus, tais como: aluguel de uma impressora  paga  por R$ 4.000,00 reais por mês desde a gestão passada, dando continuidade na atual gestão, sendo que o valor da impressora é o mesmo R$ 4.000,00. Espera-se que o Ministério Público verifique o que continua ocorrendo na Câmara, vez que, nas “licitações” foram apenas feito “adendos”.

Onildes, Presidente da Associação da Ecovila, também salientou a importância do Presidente do PDT de Ilhéus lançar a sua candidatura para Deputado Estadual. Em resposta, Araújo disse: “Ainda está cedo, não sei se serei candidato a Deputado Estadual”.

Por Mateus Andrade

Veja mais fotos
:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia