WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia



dezembro 2017
D S T Q Q S S
« nov    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  





Cabana Costa do Cacau – Réveillon 2018

PIB cresce 0,1% no 3º trimestre, na terceira alta seguida

Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro cresceu 0,1% no terceiro trimestre deste ano, na terceira alta seguida na comparação com os três meses anteriores. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (1º) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em valores correntes, o PIB alcançou R$ 1,6 trilhão.

 Os economistas ouvidos pelo G1 previam uma variação do PIB maior no terceiro trimestre. No entanto, eles ressalvam que a variação de 0,1% no período foi compensada por uma revisão no resultado do PIB acima das expectativas.

“O 0,1% espantou um pouco, mas é preciso ter cuidado nessa análise, porque o IBGE revisa bem as contas no terceiro trimestre e isso mudou bem a dinâmica trimestral”, afirma Alessandra Ribeiro, economista da Tendências, que projetava uma alta de 0,4%.

Por rotina, o IBGE revisou o PIB do primeiro e segundo trimestres. Em vez do crescimento de 0,2% no período de abril a junho, o avanço foi de 0,7%. Já no primeiro, o crescimento foi de 1,3%, ao contrário do 1% anteriormente divulgado.

Entre os setores da economia, indústria e serviços avançaram, enquanto a agricultura registrou retração no terceiro trimestre. A indústria cresceu 0,8%, influenciada pelas indústrias de transformação (1,4%) e extrativa (0,2%).

Já o setor de serviços avançou 0,6%, diante do resultado positivo do comércio (1,6%). A expansão já era percebida por empresas e consumidores ouvidos pelo G1 – veja relatos na reportagem especial.

Na contramão, a agropecuária recuou 3%, após uma queda de 2,3% no trimestre anterior e de uma forte alta de 12,9% de janeiro a março.

“A agropecuária foi a grande responsável pelo PIB não ter crescido mais. Caiu porque a gente não tem mais safra da soja e entrou a safra da cana, que está com estimativa de queda. Pelo serviço e pela indústria, a gente teria crescido bem mais”, disse Rebeca de La Rocque Palis, coordenadora de Contas Nacionais do IBGE.

Segundo ela, ignorando a agropecuária, o crescimento do terceiro trimestre teria ficado entre 0,6% e 0,8%.

G1

Presidente do Diretório Municipal do PDT de Ilhéus destaca a postura do Deputado Felix Mendonça Junior junto a Câmara Federal

O Diretório Municipal do PDT de Ilhéus, presidido pelo Dr. Cosme Araújo vem destacando em suas manifestações públicas, as ações apresentadas pelo deputado Federal, Felix Mendonça Junior, dentro da Câmara Federal e como membro da Comissão de Constituição e Justiça. Para o diretório municipal o Partido Democrático Trabalhista da Bahia vem ganhando força, de forma avassaladora, dentro do cenário político, devido a postura adotada pelo presidente estadual da sigla, que representa os anseios da sociedade de forma ética, justa e legalista “ Muito me orgulha fazer parte do mesmo partido do deputado Felix Mendonça, devido a coerência legislativa, cívica e democrática com que ele vem conduzindo sua gestão de Deputado Federal. O Diretório Municipal do PDT de Ilhéus só tem a parabenizar o deputado pelas brilhantes ações que veem desenvolvendo no Congresso Nacional”, disse o Dr. Cosme Araújo.

Na última quinta-feira (23), a Comissão de Constituição e Justiça, da Câmara de Deputados, aprovou o polêmico projeto que determina o fim do Foro Privilegiado para 55 mil autoridades brasileiras como deputados, senadores, ministros de estado, governadores, prefeitos, ministros de tribunais superiores, desembargadores, embaixadores, comandantes das Forças Armadas, integrantes de tribunais regionais federais, juízes federais, membros do Ministério Público, procurador-geral da República e membros dos conselhos de Justiça e do Ministério Público. O texto é uma proposta de Emenda à Constituição (PEC) que não acaba, mas limita ao presidente da República, vice-presidente, à presidente do Supremo Tribunal Federal e aos presidentes das duas casas legislativas a prerrogativa de foro. Com isso, apenas essas autoridades seriam julgadas por uma corte especial.

Dentre as personalidades políticas que lideraram a votação do projeto na Câmara, o Deputado Federal, Felix Mendonça Junior, apresentou destaque no cenário, diante da sua postura firme e legalista sobre o tema.

“Um deputado ou senador, ao que tange um crime comum fora do exercício do mandato, deve responder como qualquer cidadão. Agora, para um presidente, deve ter um foro privilegiado. Do contrário o sujeito vai passar o tempo todo respondendo a processos. Ele poderá ter uma ação no Rio Grande do Sul, no Rio Grande do Norte, uma no Amazonas. Esta situação seria inviável para um presidente”, disse o pedetista sobre a votação.

Esta não é a primeira ação em que o pedetista baiano ganha destaque no cenário nacional. O parlamentar é autor de 627 projetos dentro do congresso federal dentre eles ações voltadas ao fortalecimento da educação, saúde, segurança.

As ações do deputado Federal, Felix Mendonça Junior, deixam o cenário político do Partido Democrático Trabalhista, bem avaliado para as disputas eleitorais de 2018.

Por Redação do site O Defensor

Santa Luzia recebe Dr. Cosme Araújo e formam grupo de ação do PDT dentro da cidade

O Defensor do Povo, Dr. Cosme Araújo, esteve nesta segunda feira (27), na cidade de Santa Luzia, onde participou de uma grande reunião sediada na casa do Presidente do PDT da cidade, Givaldo Araújo, onde reuniu mais de 80 lideranças comprometidas em desenvolver o município e travar uma luta para levar novas expectativas aos cidadãos da terra.

Dentre os assuntos abordados no encontro, a falta de educação de qualidade, saúde, segurança pública centralizaram os diálogos, devido a precariedade com que a atual administração municipal vem tratando dos temas.

Como ação de trabalho, em prol do desenvolvimento de Santa Luzia, Dr. Cosme Araújo acompanhado pelas lideranças Paulo Vilaça, Claudio, Cristóvão, Amarildo, Joca , além de figuras cívicas que veem assumindo o papel de agentes da mudança, dentro das comunidades da cidade, determinaram, juntos, a criação de um grupo, comandado pelo PDT, para fortalecer as bases políticas no município.

“ Santa Luzia é uma cidade rica, que já contribuiu muito para o cenário estadual com a sua monocultura, mas infelizmente não tem recebido o retorno merecido. Mas a partir de agora, com esta união aqui, com este grupo do PDT, com estas lideranças que estão imbuídas em desenvolver a cidade, Santa Luzia aguarde porque teremos novos tempos, novas cabeças pensantes para lutar pela cidade”, disse Dr. Cosme Araújo.

  Na ocasião o Defensor do Povo tomou conhecimento da perseguição que alguns funcionários públicos estão sofrendo dentro da prefeitura de Santa Luzia vítimas de demissões indevidas e reduções de horas de trabalho. O líder político, que é um profissional do direito, se comprometeu a levar a questão ao Ministério Público, para que o órgão adote as devidas providencias junto a gestão municipal.

Com o objetivo de levar informação, conhecimento e fortalecer as bases políticas do PDT aos milhares de cidadãos do sul e extremo sul da Bahia, o Defensor do Povo, Dr. Cosme Araújo, que é presidente do Diretório Municipal do partido em Ilhéus, vem percorrendo as cidades baianas e participando de inúmeras reuniões promovidas pelas lideranças locais. Cidades como Uruçuca, Camacan, Una, Canavieiras, Ibicaraí, Barro Preto, Itabuna, Itajuípe, além de cidades da região metropolitana já firmaram apoio ao líder pedetista.

Redação  site O Defensor

DINHEIRO RESERVADO A CASAS POPULARES PODE TER SIDO USADO PARA BANCAR MANIFESTAÇÕES DE RUA.

Garotinho vai para presídio de segurança máxima em Bangu por mentir

Simulou agressão
Ex-governador diz que foi agredido com porrete, mas não há imagens
Publicado: 24 de novembro de 2017 às 20:05
Redação

Julgamento de Kátia Vargas terá distribuição de senhas para quem quiser assistir

Acusada de perseguir e matar os irmãos Emanuele Gomes Dias e Emanuel Gomes Dias, de 22 e 23 anos, depois de uma discussão de trânsito, em Salvador, a médica Kátia Vargas será julgada no próximo dia 5. Hoje (23), o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) divulgou orientações para quem quiser acompanhar o julgamento. O caso ocorreu em 2013, no bairro de Ondina.

O julgamento está marcado para as 8h, no salão do júri, no Fórum Ruy Barbosa. Quem quiser acompanhá-lo deve pegar uma senha. A distribuição será feita no dia 1º de dezembro (sexta-feira), das 8 às 11 horas, no Fórum das Famílias, em Nazaré (ao lado do Fórum Ruy Barbosa).

Toda Bahia

Queijo e biscoito em cueca levam deputado à isolamento na penitenciária (Em Ilhéus tem gente que vai dançar tango em Paris breve)

Agência Brasil

23 de novembro de 2017, 18:03

Thyara Araujo

Já se passaram 12 anos da prisão de José Adalberto Vieira da Silva, ex-petista e à época assessor do então deputado estadual José Guimarães (PT), no aeroporto de Congonhas com US$ 100 mil na cueca e mais R$ 209 mil em uma maleta, o chamado “Caso dos Dólares na Cueca”. Agora, um caso de guarda de itens na cueca veio ao conhecimento na mídia nesta quinta-feira (23). Trata-se do deputado Celso Jacob (PMDB-RJ), atualmente detido no Complexo Penitenciário da Papuda, no Distrito Federal, que passará uma semana em regime de isolamento após ter sido flagrado com queijo provolone e dois pacotes de biscoitos escondidos na cueca.

Jacob foi condenado a 7 anos em regime semiaberto por falsificação de documento público e outras irregularidades cometidas durante o período em que foi prefeito de Três Rios (RJ).

De acordo com a Subsecretaria do Sistema Penitenciário (Sesipe), da Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social (SSP), “o interno foi levado imediatamente para o isolamento, onde ficará por sete dias”.

Toda Bahia

Carta de cidadã demonstra indignação da população de Ilhéus com o prefeito Mario Alexandre (Nadão)

Após a onda de turbulências e reclamações em torno da saúde de Ilhéus, que pairaram esta semana, entre abertura e fechamento de hospital Regional do Estado, ausência de eficiência administrativa da gestão municipal, e precariedade no setor, uma cidadã ilheense, escreveu uma carta, de próprio punho, endereçada ao prefeito da cidade, Dr. Mario Alexandre.

Na carta, de escrita simples, mas, contando amplo conhecimento com relação a realidade vivenciada por cada cidadão desta cidade, a moradora chama a atenção do prefeito, para a o descaso com a saúde, e diz:

“ Sou moradora de Ilhéus a 45 anos, na minha trajetória nunca vi tanto descaso com está cidade como estou vendo agora”, escreve a cidadã e cita a obra do posto Sarah Kubitschek como exemplo de vergonha no município. “Veja a obra daquele posto no Parque Infantil está parecendo um chiqueiro, o senhor não tem vergonha daquela situação não, porque o sr.  nas campanhas para prefeito deu a sua palavra que ia modernizar a saúde, mas eu estou só vendo destruição”, argumentou a moradora.

Ainda na carta, a cidadã tece críticas à forma como a obra do Posto Sarah está ocorrendo, alegando que antes, mesmo sem estrutura, ainda havia médico para atender a população, hoje, com a demolição, a população está desamparada. “ Ruim ou bom, ainda tinha medico agora é só parede no chão, somos gente, pessoa, não porcos”, indagou.

E intimou o prefeito Mario Alexandre para assumir o compromisso firmado com o povo, no período de campanha “conserte o que o sr. destruiu, seja um prefeito de nome, de palavra, não de mentira. Todos os dias eu passo ali e fico me perguntando, cadê o prefeito desta cidade, será que ele existe ou é um fantasma?”, concluiu a cidadã que não assinou a carta, mas facilmente pode ser chamada de Ilhéus.

Redação do site O Defensor

O PREFEITO MÁRIO ALEXANDRE QUER AJUDAR O REMO ESPORTIVO EM ILHÉUS.

Ansioso em ajudar o remo em Ilhéus, juntando com a vontade já externada do Presidente do novo clube, em ter um espaço na baía do Pontal, próximo ao Boca du Mar, para fazer um barracão e guardar os barcos.

O Sarrafo vem humildemente sugerir a desapropriação desta área abaixo, para servir ao novo clube.

Sarrafo

O defensor: Veja a cara do prefeito, reflete nestas paisagens.

Ex-assessor promete provar que devolvia parte do salário a Geddel e Lúcio Vieira Lima

Ex-assessor promete provar que devolvia parte do salário a Geddel e Lúcio Vieira Lima

Foto: Divulgação

Ex-assesor de Geddel e Lúcio Vieira Lima, Job Ribeiro Brandão promete entregar à Polícia Federal e à Procuradoria-Geral da República (PGR) provas de que ele devolvia parte do seu salário na Câmara para os políticos (veja mais). Segundo informações da Folha de S. Paulo, ele encontrou registros de transferências bancárias que em nome de parentes de Geddel e Lúcio nos últimos cinco anos. O advogado de Job, Marcelo Ferreira, confirmou a intenção de entregar os documentos. Ele relata que havia um padrão de saques nas horas seguintes do depósito do salário a cada mês. Em depoimento à Polícia Federal, o ex-assessor declarou que ficava com cerca de R$ 2.500 por mês do seu salário na Câmara e devolvia cerca de R$ 9.000 à família de Geddel e Lúcio. Job cumpre prisão domiciliar depois que suas digitais foram identificadas em notas que estavam entre os R$ 51 milhões encontrados no “bunker” de Geddel em um apartamento Salvador. Ele está em negociação com a Procuradoria-Geral da República para fechar acordo de delação premiada (veja mais).

Bahia Notícias

Site O Defensor: Se apurar na Câmara de Vereadores não é difícil vê este procedimento que já virou rotina há muitos anos.

Justiça instaura ação penal contra empresas que não recolheram ICMS ao fisco

O cerco à sonegação ganha novo impulso na Bahia com a decisão do juiz Ícaro Matos, da Primeira Vara Especializada Criminal de Salvador, de instaurar ação penal contra empresários que não repassaram à Fazenda Pública o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) recolhido dos consumidores. A ação envolve as empresas Itaguassu Agroindustrial, Pão Express e Megabmart Brinquedos e Presentes, alvos de denúncia do Ministério Público Estadual por deixarem de recolher, juntas, um total aproximado de R$ 26 milhões ao fisco estadual. De acordo com a denúncia oferecida pelo Grupo de Atuação Especial de Combate à Sonegação Fiscal e aos Crimes Contra a Ordem Tributária, Econômica, as Relações de Consumo e a Economia Popular (Gaesf) do MP-BA, as empresas declararam que deviam o imposto incluído no preço das mercadorias, mas não fizeram o recolhimento aos cofres públicos. E vem mais por aí: o MP-BA anunciou, esta semana, que dará prioridade ao ajuizamento de ações penais contra empresários envolvidos nesse tipo de sonegação, prática que nos últimos três anos impediu o recolhimento aos cofres públicos de cerca de R$ 1 bilhão.

PoliticaLvre



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia