WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Política

NILO COM UM PÉ FORA DO PDT

nilo

Nilo e o seu calundu

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Marcelo Nilo (PDT), admitiu nesta segunda-feira (04) que poderá deixar o partido, caso a legenda defina o seu nome como vice nas eleições de 2014. Por meio do Presidente Municipal da sigla, Marcos Medrado, o mesmo estuda a possibilidade de indicar o vice na chapa liderada pelo governo petista. “Eu não vou aceitar, sob hipótese alguma, o PDT, um partido de grande musculatura no estado, sempre estar servindo e nunca e ser servido” esbravejou”. Eu deixei o PSDB porque o partido passou a ser apêndice do carlismo na Bahia. Se o PDT passar a ser apêndice nos tempos de hoje, eu não tenho outra saída a não ser deixar o partido. O presidente da A.L reiterou dizendo o seguinte: “Eu só quero duas coisas: ou ter candidatura própria ou ser vice de alguém da base do governo. Pode ser Pinheiro, Rui Costa, Caetano ou até mesmo Gabrielli” pontuou. Essa semana, Nilo aguarda um pronunciamento oficial do seu partido para saber se mantem o nome como pré-candidato ou se mais uma vez, apoiará um nome do governo nas eleições do ano que vem.

Artigos relacionados

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar