WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
março 2013
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

:: 8/mar/2013 . 14:05

LÍDER COMUNITÁRIO DENUNCIA COBRANÇAS INDEVIDAS NOS SEPULTAMENTOS NO CEMITÉRIO DO BANCO DA VITÓRIA

DSCF5975

Arnaldo Titi, líder comunitário, na redação do site O Defensor

Há muito tempo que o Cemitério do Banco da Vitória é alvo de denúncias contra cobranças irregulares dos serviços. O líder comunitário Arnaldo Titi, esteve na manhã de hoje na redação do site O Defensor, para denunciar mais uma manobra do prefeito Jabes Ribeiro juntamente com os secretários Isaac Albagli (Serviços Urbanos) e José Victor (Interior). Segundo Arnaldo, “todas as vezes que é preciso enterrar um ente-querido no cemitério do Banco da Vitória, antes de realizar o sepultamento, os coveiros cobram uma taxa de R$ 58 reais pelo serviço, e o pior, sem nenhuma comprovação do que foi pago e, para onde é destinado o dinheiro” relatou. O líder disse ainda, que já comunicou o fato ao Ministério Público e que na próxima semana irá à Câmara de Vereadores para apresentar aos vereadores da bancada da oposição no sentido de que adotem providências por parte  do prefeito, inclusive,  a retirada imediatamente da taxa de sepultamento, considerada ilegal, e abusiva. Arnaldo Titi, líder comunitário do Banco da Vitória, denunciou a irregularidade através dos microfones do site O Defensor. Texto: Fábio Roberto – DRT 6355

ROYALTIES: ILHÉUS E ITABUNA RECEBERÃO MAIS DE 10 MILHÔES

geraldo

Em sessão polêmica realizada essa semana em Brasília, os Deputados e Senadores votaram pela derrubada do veto ao projeto de lei da distribuição dos royalties do petróleo. Em contato com o Deputado Federal Geraldo Simões (PT), agora os municípios de Itabuna e Ilhéus, que receberam de royalties em 2011, no valor de R$ 885.466,00, passarão a receber, em 2013, o valor de R$ 5.453.430,00. “Mais de seis vezes superior ao atual, representando um incremento de R$ 4.526.353,00”, comentou. Isto significa dizer, que os prefeitos Jabes Ribeiro, de Ilhéus e o de Itabuna, Vane do Renascer, estarão nadando em dinheiro, com a promessa de investir todo recurso em ações nos dois municípios.

MÉDICOS DO HOSPITAL REGIONAL PODERÃO ENTRAR EM GREVE

regional

Insatisfeitos com a proposta do governo do estado para o Plano de Cargos, Carreira e Vencimentos (PCCV), os médicos do Hospital Regional de Ilhéus decidiram em assembleia entrar em greve por tempo indeterminado no próximo dia 20 de março. De acordo com o Sindicato dos Médicos (Sindimed), a proposta ficou abaixo das expectativas das categorias, uma comissão formada pelas entidades médicas – ABM, Cremeb e Sindimed -, frustrando completamente o esforço feito nos últimos nove meses, após dezenas de reuniões com os representantes das secretarias de Saúde (Sesab) e Administração (Saeb)”. Uma nova assembleia foi marcada para o dia 19 para discutir a greve caso haja uma nova proposta neste período. Os médicos do Regional também criticam a super lotação que vem acontecendo nos últimos dias na instituição, por conta do fechamento dos  postos de saúde da cidade e a falta de gerenciamento por parte da secretaria responsável. O Hospital Regional que foi criado para receber casos de urgência, está sendo obrigada atender pacientes ambulatoriais por conta do abandono e do desgoverno na era Jabes.

BAHIA REGISTRA 600 CASOS DE VIOLÊNCIA SEXUAL

abuso sexual

Os municípios baianos já notificaram mais de 600 casos de violência sexual neste ano. Salvador lidera o ranking com 377 ocorrências entre primeiro de janeiro e esta quinta-feira. No sul da Bahia o município com maior quantidade de notificações é Pau Brasil, com seis casos. A maioria das vítimas de violência sexual no estado é de crianças e idosos. Os maiores agressores são os próprios parentes. 11 pessoas morreram neste ano depois de abusadas sexualmente. As vítimas eram de Encruzilhada, Juazeiro, Pilão Arcado, Piripá, Salvador e São Gonçalo dos Campos. Em 2012 foram 147 mortes de vítimas violentadas.

OAB-MT vai a delegacia em defesa de advogados presos durante protesto

Cuiabá – A Seccional da OAB de Mato Grosso mobilizou ao menos dez de seus membros para atuar na defesa de prerrogativas de dois advogados presos ilegalmente no exercício profissional durante um protesto realizada nesta quarta-feira (06) por estudantes na Universidade Federal de MT.

Alguns acadêmicos foram agredidos por policiais militares e levados à delegacia. O presidente da OAB-MT, Maurício Aude, esteve no local juntamente com os presidentes do Tribunal de Defesa das Prerrogativas, Luiz da Penha, da Comissão de Direito Penal, Waldir Caldas, e da Comissão do Jovem Advogado, Eduardo Lacerda, além dos integrantes do TDP, Eduardo Guimarães, Ademar Santana Franco, Carla Rocha, e Marco Antônio e outros profissionais.  A Seccional vai promover as representações requerendo penalização severa e desagravado aos advogados ofendidos.

Os advogados Ioni Ferreira Castro, da Associação dos Docentes da Universidade Federal de Mato Grosso (Adufmat) e da Universidade Federal de Mato Groso (UFMT), e Marco Antônio, do TDP, foram detidos à tarde pela Polícia Militar após insistirem em acompanhar os estudantes universitários presos durante a confecção do Boletim de Ocorrência. A comitiva da OAB/MT esteve no Cisc Planalto para defender as prerrogativas dos profissionais em atuarem livremente na defesa de seus clientes conforme estipula o Estatuto da Advocacia. A manifestação dos acadêmicos foi realizada em protesto à decisão de despejar alunos das Casas do Estudante Universitário (CEU).

:: LEIA MAIS »





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia